Assine agora e receba conteúdos em primeira
mão na sua caixa de entrada.

Semana passada começou o surto do WannaCry, várias organizações relataram infecções simultâneas. De acordo com dados divulgados por terceiros, o WannaCry infectou mais de 200 mil computadores.

O que é WannaCry?

O WannaCry comporta-se como qualquer outro malware do tipo: criptografa arquivos e exige resgate. O WannaCry codifica arquivos de vários tipos, incluindo documentos do Office, fotos, vídeos, arquivos e outros formatos de arquivo que potencialmente contém dados críticos do usuário. As extensões dos arquivos criptografados são renomeadas e os arquivos ficam completamente inacessíveis.

Depois disso, o Trojan altera o papel de parede da área de trabalho para uma imagem que contém informações sobre a infecção e ações que o usuário deve executar para recuperar os arquivos.

ataque hacker2

Como se defender contra o WannaCry

Infelizmente, não há atualmente nenhuma maneira de decifrar arquivos que foram criptografados pelo malware. Por enquanto, a prevenção é a única esperança.

Aqui estão vários conselhos sobre como prevenir a infecção e minimizar os danos.

  • Se você já tiver uma solução de segurança Kaspersky Lab, recomendamos fazer o seguinte: Executar manualmente uma verificação para áreas críticas e se a solução detectar MEM: Trojan.Win64.EquationDrug.gen (é assim que nossas soluções detectam o WannaCry), removê-lo e reiniciar o sistema.
  • Se você é um usuário Kaspersky, mantenha o System Watcher (Inspetor do Sistema) ativado. É essencial combater qualquer variante do malware que possa surgir.
  • Instale atualizações de software. Este caso pede desesperadamente que todos os usuários do Windows instalem a atualização de segurança MS17-010. A Microsoft até mesmo a lançou para sistemas que não são mais oficialmente suportados, como o Windows XP e Windows 2003.
  • Crie backups e armazene as cópias em dispositivos que não estão constantemente conectados ao computador. Se você tiver uma cópia de backup recente, uma infecção de criptografia não é uma catástrofe. Você pode passar algumas horas reinstalando o sistema operacional e aplicativos, e, em seguida, restaurar seus arquivos e seguir em frente.

Conhça mais sobre o Kaspersky

Use um antivírus confiável. O Kaspersky Internet Security pode detectar o WannaCry tanto localmente como durante tentativas de espalhar por uma rede.

Fonte: Kaspersky Brasil

Semana passada começou o surto do WannaCry, várias organizações relataram infecções simultâneas. De acordo com dados divulgados por terceiros, o WannaCry infectou mais de 200 mil computadores.

O que é WannaCry?

O WannaCry comporta-se como qualquer outro malware do tipo: criptografa arquivos e exige resgate. O WannaCry codifica arquivos de vários tipos, incluindo documentos do Office, fotos, vídeos, arquivos e outros formatos de arquivo que potencialmente contém dados críticos do usuário. As extensões dos arquivos criptografados são renomeadas e os arquivos ficam completamente inacessíveis.

Depois disso, o Trojan altera o papel de parede da área de trabalho para uma imagem que contém informações sobre a infecção e ações que o usuário deve executar para recuperar os arquivos.

ataque hacker2

Como se defender contra o WannaCry

Infelizmente, não há atualmente nenhuma maneira de decifrar arquivos que foram criptografados pelo malware. Por enquanto, a prevenção é a única esperança.

Aqui estão vários conselhos sobre como prevenir a infecção e minimizar os danos.

  • Se você já tiver uma solução de segurança Kaspersky Lab, recomendamos fazer o seguinte: Executar manualmente uma verificação para áreas críticas e se a solução detectar MEM: Trojan.Win64.EquationDrug.gen (é assim que nossas soluções detectam o WannaCry), removê-lo e reiniciar o sistema.
  • Se você é um usuário Kaspersky, mantenha o System Watcher (Inspetor do Sistema) ativado. É essencial combater qualquer variante do malware que possa surgir.
  • Instale atualizações de software. Este caso pede desesperadamente que todos os usuários do Windows instalem a atualização de segurança MS17-010. A Microsoft até mesmo a lançou para sistemas que não são mais oficialmente suportados, como o Windows XP e Windows 2003.
  • Crie backups e armazene as cópias em dispositivos que não estão constantemente conectados ao computador. Se você tiver uma cópia de backup recente, uma infecção de criptografia não é uma catástrofe. Você pode passar algumas horas reinstalando o sistema operacional e aplicativos, e, em seguida, restaurar seus arquivos e seguir em frente.

Conhça mais sobre o Kaspersky

Use um antivírus confiável. O Kaspersky Internet Security pode detectar o WannaCry tanto localmente como durante tentativas de espalhar por uma rede.

Fonte: Kaspersky Brasil